Fundador: António Paulouro | Director: Nuno Francisco
RSS
Pesquisa
Assinantes
JF Semanal

Arquivo: Edição de 2/17/2011

foto
Empresas inovadoras rasgam futuro na velha cidade dos teares
A Covilhã foi, outrora, conhecida como a Manchester portuguesa, devido ao peso da indústria. Hoje, os caminhos da afirmação são outros. O têxtil ainda lhe está no coração, mas as novas tecnologias estão a redefinir a urbe: UBI, Parkurbis, Ubimedical e o centro de dados da PT fazem parte da nova face da cidade.

Médicos formados na UBi “fogem” da região
Dez anos depois da abertura, a Faculdade de Ciências da Saúde, na Covilhã, lança a reflexão sobre a abertura de vagas para a especialidade médica. Em quatro anos a FCS formou 241 médicos mas apenas 10 escolheram os hospitais da Beira Interior para a realização da especialidade.

Vinte e três anos de prisão para homicida da lixeira
O Tribunal Judicial de Castelo Branco condenou a uma pena única de 23 anos de prisão, Manuel Morais, o homem de 58 anos, natural da Orca, que estava acusado da prática de cinco crimes ocorridos em Agosto de 2009, entre os quais os crimes de rapto, homicídio qualificado e ocultação do cadáver.

Ródão e Belmonte com elevada taxa de execução
Os primeiros dados sobre o Programa Operacional Regional do Centro – Mais Centro mostram que a taxa de execução dos projectos aprovados no âmbito do QREN está longe daquilo que é desejável. Na Beira Interior, apenas Vila Velha de Ródão e Belmonte têm taxas perto dos 100 por cento. Fundão, Guarda e Covilhã estão abaixo dos 50 por cento.

 

Edição em PDF
Publicidade
 
© 2001, 2008 Jornal do Fundão Editora, Lda | Todos os direitos reservados | redaccao@jornaldofundao.pt
Global Media Group